Imagem

Dez meses depois

2 jan

E não é que o ano acabou, meu filho cresceu lindamente e eu mãe, mulher, dona de casa não consegui dara s caras aqui como gostaria.
A cada mês que passou, cada conquista, cada progresso do carinha que aqui habita eu pensava, preciso postar no blog e o dia ia embora, afinal gastar meu tempo corujando o filhote é mais produtivo né?
Programei de fazer um mega post quando ele fez 6 meses e nada, programei outro pra ontem qdo completou 10 e não vim postar, então resolvi hoje durante o soninho matinal de 30 minutos vir correndo contar como anda nossa família.
O Nicolas como eu disse está com 10 meses, ao contrário de quando era um recém-nascido está com o sono bem mais agitado, desde os 4 meses e meio como um passe de mágica passou a acordar novamente a cada 3 horas, no máximo, e não quer saber do berço, o negócio dele é passar as primeiras horas por lá e depois deitar nos meus braços na minha cama, agora está começando a desgrudar e até dorme no próprio travesseiro o que a mamãe aqui agradece pois pode dormir um pouco melhor, mas apartir de hoje começaremos uma operação de guerra para colocá-lo nos eixos.
Bebezão continua mamando muito, adora dar uma chupeitada no meio da brincadeira e eu amo amamentar meu filho, nunca passou pela minha cabeça desmamá-lo e iremos longe ainda com esse elo só nosso, o que é importantíssimo já que observamos que ele tem uma alergia ao leite de vaca, ainda não sei o grau da alergia nem se é alérgico a outro alimento, o fato é que por 3 vezes foi oferecido alimentos que continham leite e ele empolou completamente, então, nada de leite, derivados, besteiras em geral…
Eu não tenho tempo para mais nada, como sou cabeça dura e quero fazer tudo sem ajuda de ninguém me desdobro em mil pra cuidar de filho, casa, marido, enfim, nem sobra tempo pra mim mesma, ultimamente tenho tentado delegar mais, envolver o pai, os avós e até deixando a cria na vovó de vez em quando para dar uma relaxada e cuidar mais de mim, tem sido bom mas ainda preciso me libertar mais e ser menos neurótica.
Esses 10 meses foram de intenso aprendizado, nós aprendemos a ser pais enquanto o Nicolas está aprendendo a ser um indivíduo, se tornando independente e buscando coisas novas, no último dia do ano começou a engatinha, tardiamente é verdade, mas pra compensar a preguiça para se locomever meu moleque é extremamente esperto para aprender coisas novas, ele sabe o que é telefone, faz td e qualquer brinquedo e pessoa dormir, manda beijos, bate palmas, dá tchauzinho e faz em cá, balbucia algumas sílabas e entende bastante coisa que é falada para ele, um prodígio esse menino rs…
O que espero para o ano que começa? Muita saúde pro pequeno, muita paz e amor para a família e tempo, tempo para conseguir aos poucos voltar a ser mais Diana e menos mãe por algumas horinhas, estão nos planos fazer uma atividade física, voltar a craftar e ganhar dinheiro pq só gastar não está dando certo.

Título (opcional)

Tô crescendo